anterior
Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook
QR CODE

O Processo da Identidade Visual Part. II – O Nascimento de uma Marca

No artigo anterior de nossa série sobre identidade visual (veja aqui), vimos uma breve introdução do papel do designer no processo de criação e sobre os elementos que compõem a identidade de uma empresa.

Hoje iremos ver sobre a primeira etapa deste processo, que engloba a criação, o nascimento de uma marca em si. Para isto, precisamos entender o que é realmente uma marca.

 

O que é marca?

Marca é um termo difícil de ser definido, uma vez que pode assumir diferentes significados. A marca pode ser atrelada a representação gráfica de uma empresa, produto ou serviço. Em outras vias, a marca é o nome usado para se representar uma entidade ou produto, tendo como objetivo marcar sua presença no imaginário popular, na mente do consumir.

cocaUma forma fácil de entendermos isso é através de algumas marcas conhecidas, como por exemplo, a Coca-Cola. Apesar de eu não estar usando o logotipo ou símbolo da Coca-Cola, é fácil de se perceber que estou falando de um tipo específico de refrigerante de cola, apenas ao citar seu nome.

O nome é um dos pontos principais da marca, e a partir dele é que podemos definir conceitos para construção de um logotipo ou sinal gráfico.

Muitas empresas usam seu nome fantasia como representação de uma marca, para criar uma forma prática de marcar sua presença no mercado.

 

Brnading e identidade visual

Ok, agora você já sabe o que é uma marca, mas você deve estar se perguntando, qual é o papel do designer nisso?

Existe uma área dentro do design que trabalha justamente na criação e elaboração de marcas, o nome da empresa, e não necessariamente no logotipo. Essa área é chamada de Branding.

Ao falarmos de Branding não há como não citar um dos maiores nomes brasileiros nessa área, Guilherme Sebastiany, sócio-fundador da empresa Sebastiany Branding. No próprio site dele, temos a seguinte definção para o termo Branding:sebastiany

“Uma marca é mais do que um nome desenhado, ela deve refletir a personalidade da empresa, seus valores e visão de mercado. Em resumo, a essência do seu negócio. Manter uma marca com reputação positiva no mercado é tão ou mais importante – e difícil – que manter a qualidade do produto ou serviço que sua empresa oferece.

Branding significa construção e gestão de marca, entender como o mercado identifica a sua empresa, pesquisar a melhor estratégia de posicionamento para sua marca, avaliar a linguagem do seu público-alvo.”

 

 

Mercado de criação de Identidade Visual

Pode parecer inusitado, mas existem pessoas dispostas a pagar pela criação de sua própria marca, fazendo assim a área de Branding ser um nicho a ser explorado por novos profissionais da área de design.

Na próxima matéria iremos ver os elementos responsáveis por dar vida a uma marca, elaborando as diversas partes que a compõem e formam a identidade visual.


daniel

Meu nome é Daniel Fraga, sou designer freelancer pela marca própria D’Phraga Design & Audiovisual e instrutor na unidade de São Vicente desde do final de 2013.

“Um bom designer é um bom comunicador, e por isso devemos conhecer, ver, ouvir e sentir de tudo que temos a nossa volta” – Márcia Okida

 

 

Próximo

Postado por

Postagem Relacionada

Bootstrap
Olá pessoal, vou demostrar para vocês como personalizar um site de maneira simples e fácil