anterior
Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook
QR CODE

Lógica de Programação – Parte I

Fluxogramas

Você já ouviu falar em lógica certo? Mas você já ouviu falar em lógica de programação?

Bom, imagine que para executar determinada tarefa você deve seguir determinadas etapas para concluir esta tarefa, tirar o carro da garagem, por exemplo, você pode pensar que é uma tarefa simples e realmente é, mas pense em todo o procedimento envolvido, abrir o portão, abrir o veículo, colocar a chave na ignição, dar a partida, apertar a embreagem, engatar a ré, o processo de retirar o pé da embreagem e acelerar, bom tudo isso faz parte de uma lógica. E a lógica de programação nada mais é do que criar uma rotina para que um programa execute determinada tarefa, e existem diversas maneiras de se fazer isso.

O uso do papel é fundamental!

teste_de_mesa

Na maioria das vezes as pessoas acham que fazer uma faculdade ou um curso técnico na área de programação, a pessoa vai entrar na sala terá um computador e o professor vai ensinar um monte de comando e a pessoa vai sair programando, mas está muito enganado, pois principalmente quando falamos de lógica esta deve ser desenvolvida no papel.

– No papel?

– Sim, isso mesmo, pois imagine você digitar milhares de linhas de código para perceber que alguma coisa está errada, porém no papel você pode realizar o que chamamos de teste de mesa, e este obtendo sucesso você terá a certeza que irá funcionar também no desenvolvimento do sistema.

Fluxogramas

flux

Fluxogramas são formas que representam determinadas ações dentro de um sistema como uma entrada de dado ou exibição de algum resultado, por exemplo, veja abaixo alguns dos fluxogramas mais básicos:

Fluxograma de Terminal pode ser usado para indicar o início ou o fim de um programa.

inioufim

 

Entrada manual, usada para digitação de informação:

entra_dados

 

Processo, o próximo fluxograma representa o processo de uma tarefa como uma soma, por exemplo, ou a declaração de uma variável:

processodedados

 

Exibição, após realizar os processos o programa deve informar o resultado ao usuário que é representado pelo fluxograma de documento ou exibição:

visualizadados

 

Além destes, temos o fluxograma de decisão, verifica se uma condição é afirmativa ou não:

decisao

 

Ainda temos o conector, este fluxograma é muito importante já que os fluxogramas são lineares os conectores são utilizados no fim de uma página e no início de outra para indicar a continuidade do trabalho:

conector

 

O número representa o número do conector utilizado, e deve ser idêntico ao conector de continuação.

Já conhecemos vários fluxogramas básicos e já podemos trabalhar com alguma coisa, mas ainda não conhecemos as variáveis, por isso no próximo post vou mostrar os tipos de variáveis e ensiná-los a fazer um fluxograma completo de um programa que calcule o IMC (Índice de Massa Corporal).

Espero que tenham gostado, até o próximo post!

Próximo

Postado por

Meu nome é André Santos, ministro aulas de Informática, Web e Hardware na Microcamp de Praia Grande, atuo na área há diversos anos e continuo meus estudos incessantes todos os dias afinal de contas a informática está sempre mudando e temos uma novidade a todo instante. “Trabalhar enriquece a mente”!

Postagem Relacionada

App Mãos no volante: evite multas no trânsito
Dica de app Os usuários de Android podem contar com um aplicativo muito “amigo” para