anterior
Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook
QR CODE

Língua Bárbara

A língua inglesa faz parte do grupo anglo-frisão, inclusa no ramo ocidental das línguas germânicas que, no que lhe concerne, é uma subfamília das línguas indo-europeias. Ela transformou-se numa língua global como resultado de dois fatores principais. O primeiro trata-se da extensão do poder colonial britânico, que teve seu ápice no final do século XIX. Em segundo lugar a hegemonia dos Estados Unidos como poder econômico no século XX. Para se impor como língua global, um idioma deve adquirir um papel especial reconhecido no mundo todo. Essa função é evidente nos países em que a língua inglesa é falada como primeira língua por países como Estados Unidos, Grã-Bretanha, Canadá, Irlanda, Austrália, Nova Zelândia, África do Sul e outras nações caribenhas.
Todavia é necessário que outras nações ao redor do mundo deem a uma língua papel e funções especiais para que ela se torne língua global, seja proclamando o idioma uma das línguas oficiais do país, seja dando-lhe competência no ensino local de línguas estrangeiras. No caso do inglês, o idioma tem estatuto de língua oficial em mais de setenta países, a maior parte dos quais tem em comum o fato de serem ex-colônias da Inglaterra. Nesses locais, a língua inglesa é usada como meio de comunicação em um ou mais setores: na administração governamental, na educação, no sistema judiciário ou nos meios de comunicação de massa. O inglês é também o idioma mais ensinado como língua estrangeira ao redor do mundo e a principal língua de comunicação em vários domínios, como, por exemplo, a aviação, o intercâmbio científico e as novas tecnologias de informação e comunicação.
Contudo, a situação hegemônica do inglês, tem sido desafiada, em certa medida, pelo crescimento de outras línguas, tanto em questão de posição estratégica no mundo quanto de número de falantes, não necessariamente falantes nativos. O mandarim e o espanhol, especialmente, têm importância suficiente para influenciar políticas nacionais em alguns países.


Instrutor Umberto Martins de Andrade Junior, unidade Capão Redondo.

Próximo

Postado por