anterior
Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook
QR CODE

Freelancer, como cobrar pelo seu trabalho

Como definir preços em serviços freelancer

Olá pessoal, através deste artigo falaremos sobre as definições de preços para trabalhos freelancer.

Primeiramente hoje em dia os trabalhos por freelancer vem aumentando cada dia mais e é uma tendência de varias empresas. Só para se ter uma ideia hoje já existe sindicatos dos trabalhadores freelancer criado por uma jovem advogada chamada Sara Horowitz e outros dois jovens advogados o sindicato chama-se Transient Workers Union (Sindicato dos Trabalhadores Transitório).

 

freelancer

Porém a abordagem realizada neste artigo, talvez seja a sua duvida a final de contas quanto cobrar por trabalhos freelancer? Bom errar neste assunto seria equivalente a cobrar mais caro ou muito barato, para tanto, antes de definir os preços sobre os seus trabalhos a primeira dica é verificar as suas despesas, então primeiramente defina todas as suas despesas como por exemplo: eletricidade, internet, colaboradores (se houver), impostos, licenças de software, dentre outros,  a sua experiência também é um fator determinante para que o preço tenha sua variação é normal cobrar um pouco mais barato quando se tem uma baixa experiência, analise de mercado também ajuda a conhece quais são as médias de preços no setor em que irá atuar.

 

Para facilitar seu entendimento ai vai um exemplo, vamos imaginar que você foi contratado para criar um site e digamos que o valor total será de 4.000,00 reais e que você cobra 10 reais a hora limpos, ou seja, o valor que você acumula para si fora de despesas. Suponhamos que você ira demorar um mês inteiro a fazê-lo e as suas despesas todas representam 2.400,00 reais, o que daria em porcentagem cerca de 60% do seu faturamento mensal. Então faríamos:

 

100/(100-60)=100/40=2,5

 

Preço de hora real 10 x 2,5 = 25 reais a hora a ser cobrado do cliente

Alguns cuidados a serem tomados:

freelancer

1 – Defina claramente qual será a forma de pagamento que o cliente poderá fazer

2 – Defina o tempo para entrega do material para o cliente e sempre estipule um tempo maior, para caso haja algum contratempo e se por acaso você entregar mais cedo ganhara pontos com o cliente.

3 – Esclareça bem e se possível documente o pedido do cliente, o que de fato ele vai querer.

4 – Se por acaso você estourar o tempo da entrega por algum problema seja ele qual for a culpa é sua e nunca poderá ser repassada ao cliente

5 – Planeje muito bem o que ira fazer se precisará de alguma pessoa a mais para que seja tudo estipulado no ato da negociação, não se pode cobrar nada a mais por um serviço já combinado, caso haja inserção de novo serviço faça uma nova documentação.

6 – E claro para inicio do serviço sempre 50% antes do inicio do serviço.

Bom, é isso! Espero que tenham gostado! Não esqueçam de curtir nossa página no Facebook: www.facebook.com/microcampsp e seguir o nosso Instagram: @microcampsp

Até a próxima!

 

Foto perfil

 

 

 

 

 

Meu nome é Tiago José de Souza Machado, 23 anos, apaixonado por pesquisas, planejamento e pelo time do Palmeiras, gosto de ouvir musicas e aeromodelismo. Formado em Publicidade e propaganda pela Universidade Cruzeiro do Sul, na qual fui vencedor por 4 anos seguidos de projetos de Publicidade e Propaganda. Fui instrutor de web design por 4 anos e hoje coordenador de cursos de informática.

 

Próximo

Postado por

Postagem Relacionada

Chuva de Miolos
Brainstorm
O que é Brainstorm Brainstorm! Ooou  a famosa Chuva de “Miolos” (hehe). Brainstorm é uma