anterior
Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on Google+Email this to someoneShare on Facebook
QR CODE

De onde veio o inglês?

Vocês já ouviram que o inglês é a mais importante língua universal atualmente?

group-of-kids-talking-clipart-dc8Mqrece

Sabendo falar inglês, não importa onde se vá, você conseguirá se comunicar com alguém, certo?

Mas você já se perguntou como se originou essa língua tão disseminada entre as mais diferentes nacionalidades?

 

Linha do tempo do inglês

Há três etapas fundamentais na evolução do inglês. Vou explicá-las mais detalhadamente logo abaixo, acompanhem:

 

Inglês antigo ou Anglo-saxão

Vai do ano 449 ao 1100dc.

 

Inglês médio

De 1101 até o ano 1500dc

 

Inglês moderno

Esse período é separado em 2 etapas: de 1500dc a 1660dc (etapa clássica) e de 1660dc aos nossos dias (etapa contemporânea).

 

Origem do inglês

O inglês originou-se quando povos como os Lutes, Anglos e Saxões começaram a ocupar a ilha que hoje é conhecida como Inglaterra. A partir disso, surgiu uma língua conhecida como Anglo-saxão e que hoje é chamada de “Inglês Antigo”.

mapa euro

Pouco tempo depois, o inglês antigo começou a sofrer mudanças na sua estrutura, principalmente através da introdução do cristianismo, tendo influências do Latim e do Grego. Além disso, a Inglaterra foi invadida pelos franceses, o que fez com que seus habitantes tivessem que se adequar as suas leis, sistema de governo e também a sua língua. Então, mais uma vez, incorpora novas estruturas e palavras ao inglês. Essa etapa da língua Inglesa é chamada atualmente de “Inglês médio”.

Muito tempo depois, já com a Grã-Bretanha devidamente formada, o Inglês começou a ser difundido mundo afora por consequência da grande quantidade de colonias Inglesas, e por consequência aderiu ainda mais caracteristicas de outras linguas, transformando-se constantemente até o que chamamos hoje de “Inglês Moderno”.

mapa-reino-unido

Curiosidades sobre o inglês

O inglês não tem uma Academia da Língua que fixe as normas do idioma. Estruturalmente, é quase monossilábico, exceto nos termos científicos derivados das raízes gregas e latinas.

Devido a sua enorme difusão, apresenta vários dialetos, com categoria de línguas nacionais, entre eles os dialetos Irlandês e o Escocês.


Valter Cesário de Araújo Neto – instrutor de Inglês e Espanhol da Unidade Capão Redondo.

Próximo

Postado por

Postagem Relacionada

Telejogo
História dos Videogames (Parte 2) – PONG!
Olá gamers? tudo bem? Hoje iremos continuar nossa jornada pela história dos videogames, mas, hoje